A WEG anunciou um novo investimento para aumentar a produção de baterias para veículos elétricos no Brasil. A empresa quer ampliar suas ações de olho no avanço da mobilidade elétrica no país, principalmente entre os veículos pesados, caminhões e ônibus, bem como os promissores sistemas de armazenamento. 

De acordo com o comunicado oficial, a WEG irá ampliar as dimensões do prédio atual de fabricação da solução. Ao mesmo tempo, construirá uma nova fábrica para produzir baterias e sistemas de armazenamento de energia no complexo que fica em Jaraguá do Sul (SC). 

“Estamos realizando investimentos fundamentais para atender à crescente demanda do mercado de mobilidade elétrica no país, principalmente para o segmento de ônibus e caminhões.

Com a conclusão de todas as fases do investimento, alcançaremos capacidade para oferecer mais de 1GWh de Packs de Baterias por ano, envolvendo vários módulos, células de íons de lítio e sistemas de gerenciamento eletrônico, refrigeração e de segurança, entre outros itens”, explica Carlos José Bastos Grillo, Diretor Superintendente WEG Digital e Sistemas.

WEG baterias veiculos eletricos

A atuação da WEG no mercado de armazenamento de energia por bateria (BESS), visa uma modalidade que avança na Europa e nos Estados Unidos e a empresa catarinense aposta no crescimento deste segmento também por aqui.

“Com este investimento, reforçaremos no Brasil nossa atual capacidade de desenvolvimento de soluções locais para armazenamento de energia por bateria (BESS), bem como ampliaremos ainda mais a oferta de packs de baterias para o mercado naval, que busca também soluções eletrificadas para redução de emissões”, acrescenta o executivo.

São duas etapas dentro do cronograma de investimentos, que somam R$ 100 milhões: a primeira, que envolve a ampliação imediata do prédio de fabricação atual; e a segunda, que prevê a conclusão da nova fábrica de packs de baterias para o 1º semestre de 2024.

Com estes investimentos, a área construída disponível para a fabricação de packs de baterias será de aproximadamente 6.000 m², seguindo o modelo de construção modular da WEG, que permite o aumento gradual e contínuo da capacidade de produção para atender às necessidades de expansão da companhia ao longo dos próximos anos.

O projeto deverá gerar aproximadamente 140 novos empregos e contará com soluções de automação, digitalização e indústria 4.0. Ao final da expansão, a WEG terá capacidade anual de 1GWdebaterias, apenas como referência, suficiente para 10.000 veículos elétricos com packs de 100 kWh cada. 

Outro anúncio recente de investimentos nessa área foi da BorgWarner. A empresa, que é um dos maiores fornecedores automotivos do mundo, também está construindo um local de montagem de baterias para veículos elétricos. Localizada em Piracicaba (SP), a unidade será responsável pela produção dos módulos de gerenciamento e montagem dos packs de bateria a partir do primeiro trimestre de 2023.

Fonte: WEG